Terça-feira, 29 de Janeiro de 2008
Mercado e Feira de Antiguidades

  Feira semanal  de Vila do Conde


                        

 

 

Feira das Antiguidades e Velharias

 

 


sinto-me:

publicado por aqueduto_on_line às 14:16
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 28 de Janeiro de 2008
Gastronomia de Vila do Conde

   Em Vila do Conde, a gastronomia reflecte a sua situação geográfica em relação ao mar e à rica região agrícola. É particularmente apreciado o cabrito assado, a pescada à marinheiro toda a variedade de peixes e mariscos sempre frescos
   Os doces conventuais são uma tradição secular em Vila do Conde. O Convento de Santa Clara, onde a arte de doçaria atingiu o maior esmero e perfeição, foi uma verdadeira escola.
   Entre diversas especialidades, destacam-se:

  • Cavacas
  • Sapatetas
  • Empadas
  • Tolos
  • Rosquinhas
  • Beijos de Freira
  • Pastéis de Santa Clara  (meias  luas) 

 

                       

 

 

 

 


sinto-me:

publicado por aqueduto_on_line às 16:58
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 22 de Janeiro de 2008
A Lenda da Berengária

   Conta-se que a certa altura da história do Convento de Santa Clara de Vila do Conde havia bastante relaxamento na vida religiosa das freiras. Orgulhosas, recusavam os trabalhos, davam-se a falatórios inconvenientes e eram pouco zelosas em acorrer à reza das horas canónicas.

   Mas havia uma excepção, a irmã Berengária. Humilde, cumpridora, imitava os melhores exemplos das passadas Clarissas, não se furtando às tarefas mais humildes, que executava com alegria e sentido fraterno.

   Aconteceu entretanto que a abadessa morreu e foi preciso eleger a sucessora. Havia muitas interessadas no cargo, que dava autoridade e visibilidade social. Quem não pensava nisso era sem dúvida a solícita Berengária.

   Na hora da eleição, cada uma das eleitoras, para que as amigas não acedessem ao abadessado, votou do modo que menos pudesse prestar – na Brengária – pensando assim protelar a decisão, ao entregar o voto a uma incapaz.

   Mas, quando a irmã Berengária verificou que tinha sido eleita segundo todas as regras, decidiu aceitar o lugar. Não o tinha pedido, mas não o recusava.

   As outras freiras recusavam-se a obedecer-lhe pois diziam que a votação não fora a sério.

   Perante a rebeldia manifestada, a nova abadessa foi firme e ousada: mandou que as suas antecessoras, que ali jaziam sepultadas, viessem prestar-lhe a homenagem de obediência que as freiras vivas recusavam.

   Eis então que as antigas abadessas se erguem das sepulturas e ali se mostram em atitude respeitosa.

   O resultado não podia ser outro: as freiras arrependem-se da sua soberba e acatam a autoridade da nova abadessa.

 

   A Abadessa Berengária é uma figura histórica. Esteve à frente do convento de 1384 a 1406. O milagre que lhe é atribuído, esse é lendário, naturalmente.

 

 


sinto-me:

publicado por aqueduto_on_line às 15:38
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008
Aqueduto de Vila do Conde

 

O Aqueduto de Santa Clara é um aqueduto românico do século XVI que levava as águas de Terroso (Póvoa de Varzim) para o Convento de Santa Clara em Vila do Conde. Está classificado como Monumento Nacional desde 1910.

Inicialmente foi formado por 999 arcos. Trata-se do segundo aqueduto mais extenso do país, construído no século XVIII.

 O Aqueduto atravessa a cidade de Este a Oeste e percorrer a  sua construção na  totalidade demora cerca de meia hora.

 


sinto-me:
tags:

publicado por aqueduto_on_line às 22:12
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Convento de Santa Clara

O Convento de Santa Clara de Vila do Conde, que foi uma das maiores e mais ricas casas religiosas femininas portuguesas, teve a sua instituição em 1318, por iniciativa de D. Afonso Sanches e de sua esposa, D. Teresa Martins.

Após o decreto liberal de extinção das ordens religiosas, a vida no convento foi-se apagando lentamente, até chegar ao seu termo, em 1892, com a morte da última freira. Em 1902 o antigo convento recebeu a Casa de Detenção e Correcção do Porto, de seguida tornou-se no Reformatório de Vila do Conde e Escola Profissional de Santa Clara e por fim, Centro Educativo de Santa Clara, estabelecimento de tutela de menores. Actualmente encontra-se sem ocupação.

 

Do património edificado ao longo dos séculos, restam a bela igreja gótica, a imponente área residencial (noutros tempos chamada «dormitórios novos»), que é setecentista, os arcos do antigo claustro com o seu chafariz e o extenso aqueduto, em parte destruído.

Na igreja encontram-se alguns importantes túmulos: o de D. Beatriz, filha do Beato Nuno Álvares Pereira, o dos Condes de Cantanhede e os dos Fundadores.

 


sinto-me:

publicado por aqueduto_on_line às 16:17
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

O Fim do Projecto!!

Cartaz 10 - Desporto

Cartaz 9 - Alfândega Régi...

Cartaz 8 - Curtas-Metrage...

Cartaz 7 - Tapetes de Flo...

Cartaz 6 - Feiras de Gast...

Cartaz 5 - Rendas de Bilr...

Cartaz 4 - S. João

cartaz 3 - José Régio

Cartaz 2 - Aqueduto

arquivos

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

tags

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds